Mudança Radical - Cronicas mais engraçadas e cronicas divertidas - Histórias Engaçadas


- Silêncio!
- Silêêêêncio!
- Estou esperando vocês ficarem quietos.
- Já faz mais de quinze minutos que eu estou aqui. Agora chega. Disse o paciente professor.
- Eu falei chegaaaaaa!...
O professor Alberto era muito querido pela garotada. A moçada até compreendia que, para ele, não deve ter sido nada fácil ter tomado tal decisão. 
Entretanto, havia também o lado dos alunos. Ora bolas! Para a maioria dos garotos já fazia anos que eles conheciam o professor daquele jeitão de sempre. Eles estavam mais que acostumados com ele. Afinal de contas muitos daqueles meninos e meninas estavam estudando naquela escola desde o primário e agora, já no colegial, ninguém jamais havia  imaginado presenciar aquilo.
Tudo bem, para algumas pessoas o fato até que poderia ser a coisa mais normal do mundo, mas no caso deles não foi isso o que aconteceu. Convenhamos, pode até ser normal, mas que é algo muito esquisito isso é.
A garotada estava lá na sala de aula só aguardando a entrada do professor para que fosse iniciado o segundo semestre. Depois de umas semanas de férias, muito passeio, muita preguiça, muita curtição, tantas coisas a conversar. Era justamente isso que eles estavam fazendo. Eles estavam conversando alegremente num tom super calmo e tranqüilo? Claro que não! Tava uma bagunça danada.
Eis que surge em cena a incrível figura: o professor Alberto, para os mais íntimos,  O Albertinho. 
Ele apareceu com um troço prá lá de esquisito em cima da cabeça. Todos ficaram atônitos e calados por alguns segundos. Em silêncio eles tentavam absorver a novidade. Depois do impacto inicial, já era possível ouvir um sussurro dali, um outro comentário daqui, e na seqüência foi uma bagunça generalizada.
Aquele baita perucão em cima da conhecida e reluzente careca do professor Alberto passou a ser o assunto principal da sala.
Ah!...Foi hilário demais. Alguns alunos se abaixavam na carteira de tanto dar risada, alguns tiveram até câimbras na barriga de tanto rir e outros tiveram até que sair da sala porque não conseguiram controlar o riso de jeito nenhum.

Edilson Rodrigues Silva

Cursos Gratuitos

CRONICAS MAIS POPULARES

VOCÊ PODE NOS AJUDAR!

VOCÊ    PODE    NOS    AJUDAR!

Translate

Comunicado

Comunicado